Projeto Lerelena

Projeto Lerelena

Em homenagem ao centenário do nascimento da poeta paranaense Helena Kolody iniciamos o Projeto Lerelena.

Nove poetisas do sul brasileiro se propoem ao desafio de ler relendo (ler helena) e interInvencionar. A proposta é confluir e colidir a nossa letra com a dela, helena. As interInvenções serão sempre sensibilizadas por poemas seus. Nesta primeira etapa partiremos de nove poemas que serão postados a cada sexta-feira.


Miragem no caminho (Helena Kolody)

Perdeu-se em nada,

caminhou sozinho,
a perseguir um grande sonho louco.

(E a felicidade
era aquele pouco
que desprezou ao longo do caminho.)



segunda-feira, 21 de maio de 2012

Perguntei para a vida o que ela queria de mim
ela pensou um pouco, em silêncio, e logo disse:
"Como se as palavras que eu te disser fossem te dar o meu sentido"

Fui pressionada contra a minha angústia, de quem sempre fujo
e perguntei, em uma obrigação, o que ela queria de mim
Disse, simplesmente, que queria garantir que eu fosse humana

Não sou tão feliz nessa minha condição humna
e decici interpelar a felicidade, para saber o que ela queria de mim
E ela disse: "Quero que sigas querendo; quero que nunca encontres o que julgas querer"

Assim, eu escrevo para as palavras serem a vida,
para encarar de perto a angústia que rodeia
para dar conforto à falta de felicidade.

Um comentário:

Jo Ana disse...

Minha felicidade são palavras viradas do avesso.